Biografia

História de trabalho e zelo pela vida

Jean Mark Freire Silva é filho de Pavão, cidade do Vale do Mucuri, para qual a família havia mudado há poucos meses vinda de Coronel Murta, no Vale do Jequitinhonha. Nasceu no dia 11 de julho de 1971 e é o penúltimo de nove filhos dos trabalhadores rurais “Dona dos Anjos” e “Seu Gino”. Casado com Alexandra Brasil Costa Freire, é pai de Beatriz e Pedro. Poucos meses após seu nascimento, a sua família mudou-se de Pavão para Itaobim, onde cresceu e mais tarde constituiu família.

Nascido em família humilde e trabalhadora, Jean começou a trabalhar desde cedo. Aos 14 anos anos foi porteiro e, depois, atendente do Hospital Vale do Jequitinhonha, em Itaobim. Chegou a exercer as mesmas atividades no Hospital Santa Rosália, em Teófilo Otoni.

Após essa primeira experiência e apaixonado pela dedicação ao ser humano, decidiu estudar medicina. Com a ajuda de amigos para o custeio dos estudos, formou-se em 1998 pela Faculdade Souza Marques, do Rio de Janeiro. Já médico, voltou para Itaobim em 2002 e destacou-se por ser um profissional dedicado e humano. Conquistou a confiança de pacientes e familiares e teve a oportunidade de clinicar em cidades como: Almenara, Araçuaí, Medina, Monte Formoso, Pedra Azul, Teófilo Otoni e Itaobim.

Com base em suas origens, Dr. Jean dedica-se ao próximo, especialmente no que diz respeito à saúde e à educação, áreas mal cuidadas pelos políticos da região. Os Vales do Jequitinhonha e Mucuri são famosos por suas carências e pela ausência de políticas sociais voltadas para um desenvolvimento integrado e de melhor qualidade de vida para a população. Contudo, também são destaques por suas riquezas naturais e culturais, como é o caso do artesanato, da música, da poesia, do folclore e do teatro.

Política em Minas

Em 2004, foi eleito vereador por Itaobim, sendo o mais votado na história da cidade. Entre os projetos de leis e as ações desenvolvidas por ele, destacaram-se: o Conselho Municipal da Juventude, o Parlamento Jovem, a busca de um campus da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) que atendesse a demanda dos jovens da região, a luta pela valorização da agricultura familiar, a biblioteca itinerante e o cinema itinerante. Enquanto vereador encaminhou vários pedidos ao Governo Federal para que os municípios mais necessitados dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri recebessem com maior rapidez patrolas, caminhões-pipa e retroescavadeiras, distribuídos pelo programa PAC 2.

Tendo sido ajudado por outras pessoas para se formar em medicina, Jean resolveu colocar em prática o que aprendeu na sua vivência, a ajuda ao próximo. Foi então que projetou a “Casa do Estudante”. Criada por Dr. Jean em Teófilo Otoni, já ofereceu moradia para mais de 100 jovens carentes do Vale do Jequitinhonha e Mucuri para que pudessem concluir o curso superior.

Sendo o vereador que mais conseguiu recursos para a região junto ao governo federal, com trabalho comprovado em prol da agricultura, juventude, educação e saúde de Itaobim, em 2008 foi reeleito novamente com quantidade histórica de votos. Em 2012 sagrou-se novamente como vereador pela terceira vez.

Nos três mandatos municipais, Dr. Jean nunca fez uso de diárias e sempre votou contra o aumento abusivo de salários de vereadores e prefeitos. Além disto, renunciou à sua remuneração de vereador em prol da manutenção de moradias estudantis em cidades universitárias.

Em 2014, após percorrer mais de 300 mil quilômetros em terras mineiras com a “Caravana Pé na Estrada”, foi eleito para uma cadeira na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG) com 52.315 votos.

Mandato Estadual

Na ALMG, Dr. Jean assumiu a vice-liderança do Bloco Minas Melhor, composto pelos partidos da base do governo estadual (PT, PMDB, PRB, PCdoB, PTdoB, PROS E PR), a relatoria da Comissão Extraordinária das Águas e é membro efetivo das Comissões de Saúde e Participação Popular.