Notícias

Dr. Jean participa do I Encontro Estadual da Juventude Quilombola 

Dr. Jean participa do I Encontro Estadual da Juventude Quilombola 

Evento foi proposto com o intuito de incluir a juventude quilombola na discussão sobre as políticas públicas
 
Minas Gerais é o segundo estado do Brasil em número de comunidades quilombolas. O número chega a 800 atualmente, com cerca de 60 mil famílias, compostas em sua maioria por jovens. No intuito de garantir a participação desta parcela da população no debate sobre políticas públicas, o Governo do Estado realizou, nos últimos dias 4 e 5, o I Encontro Estadual da Juventude Quilombola. O evento, que reuniu cerca de 200 jovens de todo o estado, aconteceu no Auditório JK da Cidade Administrativa de Minas Gerais (CAMG), em Belo Horizonte, foi organizado pela  Federação das Comunidades Quilombolas de Minas Gerais – N’Golo – e teve apoio da Companhia Energética de MG (Cemig)

Estiveram presentes neste encontro cerca de  208 jovens de 70 municípios, moradores de quilombos urbanos e rurais, inclusive da Capital e da Região Metropolitana de BH. O deputado estadual Dr. Jean Freire, que tem a luta do povo quilombola como uma das principais pautas do seu mandato, participou do Encontro. 

“Pra mim é uma satisfação imensa participar desse evento e de conhecer muitas das comunidades do Vale do Jequitinhonha e Mucuri que estão aqui representadas. Somos comprometidos na luta destes povos por seus direitos, gente tão esquecida e massacrada por décadas”, enfatizou o parlamentar, que tem uma assessoria exclusiva, sob responsabilidade de Marcos Luiz Silva (integrante da Comissão das comunidades quilombolas do Vale Jequitinhonha) para tratar sobre as demandas quilombolas. O deputado se comprometeu em realizar uma audiência pública na Comissão de Participação Popular da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), da qual é presidente, para discutir a titularização de terras quilombolas no Vale. 

A proposta do evento foi apresentada pelos representantes da Federação das Comunidades Quilombolas de Minas Gerais - N’Golo - e da Comunidade Quilombola de Buriti do Meio, localizada no município de São Francisco, no Território Norte, à Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), de Direitos Humanos e Participação Social e Cidadania (Sedpac) e de Desenvolvimento Agrário (Seda).  Recheada por oficinas, rodas de conversa e apresentações culturais, a programação do evento contou com a apresentação do cantor, compositor e violeiro Pereira da Viola, nascido na Comunidade Quilombola São Julião, em Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri. 

Com o tema “A comunidade quilombola que temos e a que queremos”, o encontro possibilitou a discussão sobre diversos conteúdos, propostos pelos jovens: participação social, protagonismo e empoderamento; educação; cultura, território e identidade; esporte e lazer; acesso à água, saneamento básico e políticas de habitação; meios de comunicação, inclusão digital e novas tecnologias de informação; saúde e enfrentamento à dependência de álcool e drogas; desenvolvimento econômico, trabalho e inclusão produtiva; mulheres e relações de gênero; meio ambiente e sustentabilidade.

Dessa maneira, o 1° Encontro Estadual da Juventude Quilombola de Minas Gerais contribui não somente para o fortalecimento da garantia de direitos dos Povos e Comunidades Tradicionais, mas também, para a preservação, pelas futuras gerações quilombolas, de um patrimônio imaterial. 
 

Assessoria de Comunicação (com Agência Minas)
Fotos: divulgação 

Compartilhe

Comente